Um fruto do cerrado - araticum

.
“Pois, várias viagens, ele veio ao Curralinho, vender bois e mais outros negócios – e trazia para mim caixetas de doce de buriti ou de araticúm, requeijão e marmeladas".

Guimarães Rosa em Grande sertão: veredas, pg. 115
.

Araticum

.
A palavra araticum vem do guarani (indígena), cujo significado é fruto mole. De dezembro a abril, frutifica no cerrado uma fruta parecida com uma pinha, bastante apreciada e conhecida no país e no mundo: é o araticum. Esse nome é comumente utilizado para muitas variedades de Annona nos países cuja língua oficial é o português.
Ele representa várias espécies, como a fruta-do-conde (Annona squamosa), a graviola (Annona muricata) e o araticum-do-cerrado ou marolo (Annona crassiflora).

Pé de araticum-do-cerrado carregado de frutos - clique na imagem e confira.
Planta - perene, arbórea, com 6 a 8 metros de altura, bem adaptada principalmente às condições dos cerrados remanescentes do Brasil – Central, que abrange o Distrito Federal e os estados da Bahia, Ceará, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Piauí e São Paulo.
As condições favoráveis ao desenvolvimento das plantas e frutificação são: temperatura amena a quente, solos profundos, bem drenados, não é exigente em fertilidade do solo. São adaptadas ao longo período sem chuva durante o inverno, porque apresentam um sistema radicular bastante desenvolvido e profundo nos solos do cerrado. A propagação é feita normalmente através de sementes.

Um botão - Sépalas de coloração marrom ferrugíneo
Botões
Botão semiaberto
Flor do araticum
As flores são formadas em ramos novos, solitárias, e possuem seis pétalas livres, que se abrem pouco, são carnosas e de coloração creme-ferrugíneas, ou rosadas. Três pétalas são maiores e dispostas externamente e as outras três menores e internas.

Seus polinizadores são os besouros que buscam as flores para o acasalamento e alimentação e a dispersão de suas sementes é feita pelos animais e pela gravidade.

Os frutos são carnosos, alcançam mais de 15 cm de diâmetro e 2kg de peso, contendo muitas sementes com cerca de 1,5cm de comprimento.

São de cor ferrugínea e cada fruto possui inúmeras sementes.
O araticum integra a medicina das populações tradicionais da região da Chapada dos Veadeiros, Goiás, que o utilizam como regulador de menstruação, para reumatismo, feridas, úlceras, câncer de pele, fraqueza no sistema digestório, cólicas e contra diarréia.


Quando aberto, o fruto oferece uma polpa cremosa de odor e sabor bem fortes e característicos.
A polpa pode ser consumida ao natural ou na forma de batidas, bolos, biscoitos e bolachas, picolés, sorvetes, geléias e diversos doces.

Sorveterias de Brasília e Goiânia produzem sorvetes e picolés de araticum. A espécie contribui para as economias informal e formal, durante seu período de frutificação, em todo o Cerrado.

Fotos: Fernando Tatagiba, João Steck, Carlos Vieira, Elma Carneiro


Voce conhece a fruta do Cerrado Banha-de-galinha? Parece muito com a manga comum, tem um cheiro enjoativo, é doce, suculenta e antioxidante. Veja mais sobre ela clicando na imagem abaixo.



.

20 comentários:

  1. Buenisimo blog.

    Te invito al mio...
    http://cruz-pedro.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Bom dia, Elma.

    Olha, só vi e comi araticum quando morava em Cruzília, sul de Minas Gerais.
    Havia um pé enorme no quintal do Colégio dos Padres.
    Que lembrança legal...

    Um beijo e ótimo feriado!

    ResponderExcluir
  3. Boa tarde Elma,

    Assim como o Lengo D`Noronha, eu também só experimentei uma vez quando visitava meu avô em Minas Gerais também, porém a cidade fica ao norte: Bocaiuva. Cidade onde minha mãe nasceu e meu avô morou durante muito tempo até mudar-se para Eng. Navarro (alguns km antes). Certa vez numa sorveteria aqui de Sampa eu até cheguei a achar porém não tinha o mesmo gosto peculiar que senti quando experimentei da 1º vez.
    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Tem um selo pra você com todo carinho no meu blog CaCoSeCaCaReCoS
    http//fabiguaranho.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Já comi esta fruta, porem eu a conheço como panã ou cabeça de nego. E muito bom!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu comia quando criança em Santos/Sp

      Excluir
    2. E também conhecia como cabeça DD nego e nunca mais a encontre, isto á quase 50 anos. Como, na época comiamos frutas do quintal de casa, acho que tinha um pé, não lembro muito bem

      Excluir
    3. E também conhecia como cabeça DD nego e nunca mais a encontre, isto á quase 50 anos. Como, na época comiamos frutas do quintal de casa, acho que tinha um pé, não lembro muito bem

      Excluir
    4. Eu comia quando criança em Santos/Sp

      Excluir
  6. Eu nasci em uma fazenda do interior de M.S. em que lá tinha bastantes pés de ARATICUM, hoje, devido aos desmatamentos já não se encontram lá mais o fruto tão saboroso. Móro atualmente em Cuiabá, e fazia muitos anos que não via o fruto, esses dias atráz ganhei de um amigo, a metade de um. Sê eu falar que fiquei até emocionado, acreditam.
    Mas o que eu queria é, como fazer para plantar as sementes. Procurei na internet, muito mesmo e não encontrei. Procurei também mudas para comprar, também nada.
    gostaria se alguém tiver as respostas, favor postar, estou aguardando.
    Grato!
    Dier.

    ResponderExcluir
  7. Anônimo Dier
    Eu também adoro o araticum, já comi muito e na minha cidade (Goiânia) ele é vendido nas feiras livres. São doces e perfumados.
    Andei fazendo algumas pesquisas e encontrei alguns endereços que, quem sabe poderá orientá-lo a respeito do plantio das sementes.


    http://www.youtube.com/watch?v=xDq3luF54N4



    http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0100-29452008000100043&script=sci_arttext



    http://www.ppg.uem.br/Docs/pes/eaic/XI_EAIC/trabalhos/arquivos/11-1873-0.pdf



    http://www.clickmudas.com.br/sementes-de-araticum-cagao-annona-cacans.html



    http://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/araticum/araticum-4.php

    Espero ter colaborado, um abraço.

    ResponderExcluir
  8. ola amiga amo essa fruta mais aqui na cidade de porto ferreira não tem gostaria de saber onde acho pra comprar , sera que voce tem alguem que vende obrigada...

    ResponderExcluir
  9. Amo frutas do cerrado! Araticum então nem se fala! Pena que que o cerrado está sendo invadido pela ganancia humana.

    ResponderExcluir
  10. Bom dia. Pesquisei e descobri que nasce através da semente. Só que a semente tem um ciclo de dormência longo. Leva aproximadamente um ano pra germinar e nasce em torno de 30% das sementes plantadas. Fiz o teste com algumas sementes que colhi de uma fruto, nasceram dez meses depois na primavera.

    ResponderExcluir
  11. Elma, parabéns pelo excelente conteúdo do blog. Estou pesquisando para encontrar uma árvore do cerrado, com raiz pivotante, pequeno ou médio porte, com copa mais horizontal, para plantio em uma pequena área de jardim.Pode me ajudar ?

    ResponderExcluir
  12. Elma, parabéns pelo excelente conteúdo do blog. Estou pesquisando para encontrar uma árvore do cerrado, com raiz pivotante, pequeno ou médio porte, com copa mais horizontal, para plantio em uma pequena área de jardim.Pode me ajudar ?

    ResponderExcluir
  13. hoje, falando com meu irmão, ele me falou que na bolivia um senhor tratou do cachoro dele,que foi picado por cobra,com um chá feito das raizes dessa planta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Expedito Leoncio de Oliveira

      Você sabe o tipo de cobra que picou o cachorro?
      Se for Cascavel, Coral Verdadeira, Surucucu pico-de-jaca, Jararaca, Jararacuçu, aí é difícil escapar com algum chá.

      Excluir

Obrigada por sua presença no Caliandra do Cerrado.
Espero que esse espaço tenha sido útil para você. Os artigos apresentados são frutos de pesquisas e informações colhidas na web, artigos acadêmicos, livros que após um estudo coerente entre as informações que mais se igualam sobre os temas, são selecionados para as postagens.
.

Fique a vontade e se puder deixe seu comentário. Um abraço

Elma